Violência Doméstica

(Dr. Pedro A. Grisa)

 

A Violência Doméstica, em suas diferentes manifestações e intensidades, está diretamente relacionada com a História da Parapsicologia, seja na manifestação de Fenômenos Paranormais, seja em relação ao desenvolvimento do Potencial Paranormal:

Os três Baús de Talentos: do Depressivo, do Paranormal e do Superdotado; os quais contêm as três maiores e mais preciosas Gemas conhecidas pela Espécie Humana: O Amor, a Fé e a Felicidade.
Portanto, é maravilhoso e justo que – nesse momento histórico, marcado por todo tipo de Violência – seja realizado um Simpósio Nacional de Parapsicologia Clínica do SISTEMA GRISA, dedicado à Violência Doméstica: a Mãe de todas as inseguranças, agressões e violências.
Essa temática é importantíssima para as atividades de Orientação Parapsicológica.
Sim, pois, é também da desarmonia familiar, da Violência Doméstica, que se originam, praticamente todos os distúrbios emocionais.
Todo o Sistema Emocional – reações agradáveis e desagradáveis –  está diretamente relacionado com as Leis e Princípios de Sobrevivência.
Em suma, a harmonia ou desarmonia familiar origina todo o Sistema Emocional, em suas manifestações mais intensas ou resultados do Sistema Factual mais significativos na vida das pessoas e da Sociedade.

 

CAUSAS da Violência Doméstica

Como vocês, Parapsicólogos do SISTEMA GRISA, já sabem: – os seres humanos só possuem um problema fundamental – a Insegurança. A Insegurança recebe mil nomes diferentes, segundo a intensidade em que é vivenciada e, segundo as circunstâncias em que é manifestada.
Existem, inclusive, especialistas em dar nomes à Insegurança.
Vocês também sabem que é a semente que traz consigo o genoma de cada espécie dos seres vivos.
Também é sabido que o ser humano recém-nascido é a Semente da Pessoa.
É no contexto familiar, no seio da Família que é formada a Semente do futuro cidadão.

A FAMILIA

Afirmo, atualmente, que: – A Família é mais que a Célula-Mãe da Sociedade; ela é também a Célula-Mãe da Saúde e do Sucesso, da Paz Interior e da Paz Social, de todas as fontes de Sobrevivência espiritual e material, de Harmonia e de desarmonia ou confusão, de tranqüilidade ou de violência.
As pesquisas do IPAPPI confirmam que:

  • por técnicas de hipnose e regressão de memória;
  • por análise de programações de vida intra-uterina e do processo de nascimento;
  • pela análise de tabelas familiares;
  • e pela análise de heranças congênitas dos antepassados;

Constata-se que essas são as fontes que originam as reações emocionais e comportamentais das pessoas.
A Semente Humana traz em si as causas principais da Violência Doméstica; porém, existem outras causas, sempre relacionadas com a Sobrevivência: destacam-se as causas educacionais, ou seja, da falta de educação efetiva, seja familiar, seja escolar e social.
A Violência sempre tem origem de inseguranças vividas pela pessoa diante de uma situação, diante da qual ela se sente sem condições de sucesso construtivo ou de vitória que mereça aplausos da sociedade organizada e produtiva, que conquista resultados benéficos tanto para a própria pessoa, como para as instituições e para Sociedade Humana…
Quando a pessoa não possui capacidade ou habilidades para conquistar os bens necessários à sua Sobrevivência como Indivíduo, Ser Único ou Espécie, tende a sentir-se essencialmente inferior, desencadeando sentimentos e reações de frustração, nervosismo ou inseguranças mil.
A pessoa, decepcionada consigo mesma, habitualmente, não admite ser ela a incompetente, errada ou culpada; e passa perceber as outras pessoas e o mundo à sua volta como seus algozes e perseguidores, que a impedem de obter o que deseja; e, está aberto o caminho para todos os tipos de reações agressivas: seja pela ausência e pelo silêncio; seja pela ameaça, pela agressão ou pela violência em suas diferentes manifestações.

 

A INDÚSTRIA DE MONSTROS

1 – Proclamar para o bebê – em formação no útero materno: que ele terá tudo e o melhor, quando nascer, sempre poderá contar com a mãe, para tudo e nada irá lhe faltar…
Essas mensagens, transmitidas dessa forma unilateral – por mais bem intencionadas que sejam – estarão preparando a mente de um egoísta e tirano, que somente vê o mundo sob seu ponto de vista; só interessando-lhe o que o beneficia e proporciona-lhe vantagens…

2 – A Esmola fabrica insatisfeitos…
A superproteção é versão moderna da esmola, especialmente na educação e em estrutura sócio-políticas.
A Esmola sempre foi e sempre será geratriz de insatisfeitos, contrariados e revoltados. Por isso, afirmo, há muito tempo:- Dar de graça é uma desgraça.

CULTIVAR OPORTUNIDADES

Cultivar, não roubar oportunidades de vitória e realização à criança e aos adultos.
Pois eles também precisam constatar que são capazes de conjugar os três verbos que sintetizam a relação do Ser Humano com o Mundo e com os Seres Vivos: Ser, Ter e Fazer.

  • Ser – desabrochar os talentos e perceber suas capacidades, na conquista de sua independência, no evoluir de sua competência para o desenvolvimento de habilidades e capacidades para a conquista dos bens necessários a sua Sobrevivência. Somente assim, desenvolverá a tranqüilidade, mãe da paciência e outras virtudes, do capricho e outros dons…
  • Ter – perceber-se capaz de conquistar todos os bens importantes para viver e ser feliz. Sem exageros de espécie alguma.
  • Fazer – sentir-se em condições de desenvolver habilidades em todos os ramos da vida que percebe serem importantes, tanto para sua Sobrevivência, quanto para sua Realização pessoal e social…

Sempre que a Sobrevivência estiver ameaçada e percebida pela pessoa ou pelo grupo social faz-se presente o embrião da violência…

 

AUTORIDADE

A Autoridade precisa fundamentar-se – mais do que em códigos fabricados por grupos sociais – precisa ser fundamentada no desenvolvimento:

  • da Disciplina
  • da Organização
  • do Trabalho
  • da Dedicação
  • alcançar a Competência
  • confiar na Honestidade
  • desenvolver o Caráter, fruto de convicções construtivas e benéficas…

 

QUESTÕES PARA SE REFLETIR:

  • Como ser feliz…
  • A Leva de Esquizofrênicos – que está chegando – frutos dos medos, oriundos da Vida Intra-Uterina e do Processo de e da inibidora Esmola, feita super-proteção familiar e social…
  • A indefinição do que é certo ou errado… também leva à confusão e à violência…
  • Educação da NONA GRISA: Em filho a gente bate na bunda; porém, não se bate nas costas e muito menos na cabeça; pois, em filho a gente bate para educar; e, não, para aleijar muito menos para matar. Conclusão do Neto: hoje, não se bate para educar; porém, já se bate para aleijar e para matar, nas guerras familiares e escolares e das ruas…
  • O que estará acontecendo? Por que pais torturam filhos?
  • Por que surge o Bullying, nas escolas e nas ruas?
  • Por que meninas de oito anos se espancam, como se uma quisesse matar a outra?

Vive-se a Era da Indefinição. Ninguém mais sabe o que é certo e o que é errado. E a Compulsão Ditatorial se alastra como fogo em capinzal seco.

O que fazer?

Para despertar dos valores invisíveis e essenciais, basta aperfeiçoar a forma de fazer da Filosofia da NONA GRISA.
Contudo, é preciso manter a clareza e a convicção do que é Certo e do que é Errado!
Do contrário, nós, os jovens-há-mais-tempo, continuaremos sendo atropelados por jovens-há-menos-tempo, como se fossem cabritos selvagens, achando-se donos da rua e do mundo, feito só para eles.
EQUILIBRIO E HARMONIA, como alcançá-los?

Florianópolis, 07 de outubro de 2010

Familia

Extraído de http://www.ipappi.com.br/

 

Extraído de http://www.ipappi.com.br/A Violência Doméstica, em suas diferentes manifestações e intensidades, está diretamente relacionada com a História da Parapsicologia, seja na manifestação de Fenômenos Paranormais, seja em relação ao desenvolvimento do Potencial Paranormal:- os três Baús de Talentos: do Depressivo, do Paranormal e do Superdotado; os quais contêm as três maiores e mais preciosas Gemas conhecidas pela Espécie Humana:* O Amor, a Fé e a Felicidade.

Portanto, é maravilhoso e justo que – nesse momento histórico, marcado por todo tipo de Violência – seja realizado um Simpósio Nacional de Parapsicologia Clínica do SISTEMA GRISA, dedicado à Violência Doméstica:

* a Mãe de todas as inseguranças, agressões e violências.

Essa temática é importantíssima para as atividades de Orientação Parapsicológica.

Sim, pois, é também da desarmonia familiar, da Violência Doméstica, que se originam, praticamente todos os distúrbios emocionais.

Todo o Sistema Emocional – reações agradáveis e desagradáveis –  está diretamente relacionado com as Leis e Princípios de Sobrevivência.

Em suma, a harmonia ou desarmonia familiar origina todo o Sistema Emocional, em suas manifestações mais intensas ou resultados do Sistema Factual mais significativos na vida das pessoas e da Sociedade.

CAUSAS da Violência Doméstica

Como vocês, Parapsicólogos do SISTEMA GRISA, já sabem: – os seres humanos só possuem um problema fundamental – a Insegurança. A Insegurança recebe mil nomes diferentes, segundo a intensidade em que é vivenciada e, segundo as circunstâncias em que é manifestada.

Existem, inclusive, especialistas em dar nomes à Insegurança.

Vocês também sabem que é a semente que traz consigo o genoma de cada espécie dos seres vivos.

Também é sabido que o ser humano recém-nascido é a Semente da Pessoa.

É no contexto familiar, no seio da Família que é formada a Semente do futuro cidadão.

A FAMILIA

Afirmo, atualmente, que: – A Família é mais que a Célula-Mãe da Sociedade; ela é também a Célula-Mãe da Saúde e do Sucesso, da Paz Interior e da Paz Social, de todas as fontes de Sobrevivência espiritual e material, de Harmonia e de desarmonia ou confusão, de tranqüilidade ou de violência.

As pesquisas do IPAPPI confirmam que:

·         por técnicas de hipnose e regressão de memória;

·         por análise de programações de vida intra-uterina e do processo de nascimento;

·         pela análise de tabelas familiares;

·         e pela análise de heranças congênitas dos antepassados;

Constata-se que essas são as fontes que originam as reações emocionais e comportamentais das pessoas.

A Semente Humana traz em si as causas principais da Violência Doméstica; porém, existem outras causas, sempre relacionadas com a Sobrevivência: destacam-se as causas educacionais, ou seja, da falta de educação efetiva, seja familiar, seja escolar e social.

A Violência sempre tem origem de inseguranças vividas pela pessoa diante de uma situação, diante da qual ela se sente sem condições de sucesso construtivo ou de vitória que mereça aplausos da sociedade organizada e produtiva, que conquista resultados benéficos tanto para a própria pessoa, como para as instituições e para Sociedade Humana…

Quando a pessoa não possui capacidade ou habilidades para conquistar os bens necessários à sua Sobrevivência como Indivíduo, Ser Único ou Espécie, tende a sentir-se essencialmente inferior, desencadeando sentimentos e reações de frustração, nervosismo ou inseguranças mil.

A pessoa, decepcionada consigo mesma, habitualmente, não admite ser ela a incompetente, errada ou culpada; e passa perceber as outras pessoas e o mundo à sua volta como seus algozes e perseguidores, que a impedem de obter o que deseja; e, está aberto o caminho para todos os tipos de reações agressivas: seja pela ausência e pelo silêncio; seja pela ameaça, pela agressão ou pela violência em suas diferentes manifestações.

A INDÚSTRIA DE MONSTROS

1 – Proclamar para o bebê – em formação no útero materno: que ele terá tudo e o melhor, quando nascer, sempre poderá contar com a mãe, para tudo e nada irá lhe faltar…

Essas mensagens, transmitidas dessa forma unilateral – por mais bem intencionadas que sejam – estarão preparando a mente de um egoísta e tirano, que somente vê o mundo sob seu ponto de vista; só interessando-lhe o que o beneficia e proporciona-lhe vantagens…

2 * A Esmola fabrica insatisfeitos…

A superproteção é versão moderna da esmola, especialmente na educação e em estrutura sócio-políticas.

A Esmola sempre foi e sempre será geratriz de insatisfeitos, contrariados e revoltados. Por isso, afirmo, há muito tempo:- Dar de graça é uma desgraça.

CULTIVAR OPORTUNIDADES

Cultivar, não roubar oportunidades de vitória e realização à criança e aos adultos.

Pois eles também precisam constatar que são capazes de conjugar os três verbos que sintetizam a relação do Ser Humano com o Mundo e com os Seres Vivos: Ser, Ter e Fazer.

·         Ser – desabrochar os talentos e perceber suas capacidades, na conquista de sua independência, no evoluir de sua competência para o desenvolvimento de habilidades e capacidades para a conquista dos bens necessários a sua Sobrevivência.

Somente assim, desenvolverá a tranqüilidade, mãe da paciência e outras virtudes, do capricho e outros dons…

·         Ter – perceber-se capaz de conquistar todos os bens importantes para viver e ser feliz. Sem exageros de espécie alguma.

·         Fazer: sentir-se em condições de desenvolver habilidades em todos os ramos da vida que percebe serem importantes, tanto para sua Sobrevivência, quanto para sua Realização pessoal e social…

Sempre que a Sobrevivência estiver ameaçada e percebida pela pessoa ou pelo grupo social faz-se presente o embrião da violência…

AUTORIDADE

A Autoridade precisa fundamentar-se – mais do que em códigos fabricados por grupos sociais – precisa ser fundamentada no desenvolvimento:

■ da Disciplina

■ da Organização

■ do Trabalho

■ da Dedicação

■ alcançar a Competência

■ confiar na Honestidade

■ desenvolver o Caráter, fruto de convicções construtivas e benéficas…

QUESTÕES PARA SE REFLETIR:

■ Como ser feliz…

■ A Leva de Esquizofrênicos – que está chegando – frutos dos medos, oriundos da Vida Intra-Uterina e do Processo de e da inibidora Esmola, feita super-proteção familiar e social…

■ A indefinição do que é certo ou errado… também leva à confusão e à violência…

■Educação da NONA GRISA:

→ Em filho a gente bate na bunda; porém, não se bate nas costas e muito menos na cabeça;

pois, em filho a gente bate para educar; e, não, para aleijar muito menos para matar.

→ Conclusão do Neto: hoje, não se bate para educar; porém, já se bate para aleijar e para matar, nas guerras familiares e escolares e das ruas…

→ O que estará acontecendo? Por que pais torturam filhos?

→ Por que surge o Bullying, nas escolas e nas ruas?

→ Por que meninas de oito anos se espancam, como se uma quisesse matar a outra?

Vive-se a Era da Indefinição. Ninguém mais sabe o que é certo e o que é errado. E a Compulsão Ditatorial se alastra como fogo em capinzal seco.

■O que fazer?

Para despertar dos valores invisíveis e essenciais, basta aperfeiçoar a forma de fazer da Filosofia da NONA GRISA.

Contudo, é preciso manter a clareza e a convicção do que é Certo e do que é Errado!

Do contrário, nós, os jovens-há-mais-tempo, continuaremos sendo atropelados por jovens-há-menos-tempo, como se fossem cabritos selvagens, achando-se donos da rua e do mundo, feito só para eles.

EQUILIBRIO E HARMONIA, como alcançá-los?

Florianópolis, 07 de outubro de 2010

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>